Miriam Mirna Korolkovas
Miriam Mirna Korolkovas, depois de voltar de uma longa viagem entre as reservas indígenas em Tocantins e da reserva extrativista Cazumbá no Acre, volta a cidade de São Paulo coletando madeiras raras em caçambas de lixo urbanas para produzir suas jóias.

Miriam Mirna Korolkovas
This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it."" target="_blank">This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.
www.mmkorolkovas.com.br

Formação Académica:
2009 – Pós-Doutorado em Arte e Design / A&D UMICH - EUA
2002 – Doutorado em Arquitetura e Urbanismo pela FAUUSP, SP/SP - BR
1986 – Mestrado em Belas Artes pelo Pratt Institute, NY- EUA
1977 – Bacharel em Arquitetura e Urbanismo pela FAUUSP, SP/SP - BR

Premiações:
2009 – Premiada com bolsa de professor pesquisador visitante pela
Fulbright Comission / CAPES -University of Michigan - A&D UMICH - EUA
2008 – Prêmio Ouro IDEA/BR
2000 – Premiada com bolsa CAPES, SP - BR
1991 – Menção honrosa em design no MCB , SP - BR
1986 – Premiada com bolsa CNPq , SP- BR
1984 – Premiada com bolsa Fulbright - EUA
1977 – Menção honrosa no Prêmio Henrique Mindlin, SP - BR
1977 – Prêmio Governador do Estado em Artes Visuais, SP - BR

CV completo aqui.

 Tr237;ptico / 3 Broches / madeira peroba, ouro 750 e folha de ouro / 1a. d233;cada s233;c XXI
Tríptico / 3 Broches / madeira peroba, ouro 750 e folha de ouro / 1a. década séc XXI

O tríptico SÉRIE IDENTIDADE: ACRE BRASIL  é um broche em peroba trabalhado com goivas em alusão à extração da borracha no Estado do Acre e folha de ouro. Esta peça foi exposta na Bienal Brasileira de Design 2010 , Curitiba, Paraná.

Cocar / Colar Materias / Ni243;bio e tit226;nio anodizados electro quimicamenteData / 1a. d233;cada s233;c XXI / Fotografia: Andre Yung
Cocar / Colar Materias / Nióbio e titânio anodizados electro quimicamenteData / 1a. década séc XXI / Fotografia: Andre Yung

Colecção do Geological Institute of America.

Pena / Broche / Tit226;nio e Ni243;bio* anodizados electro quimicamente / 1a. d233;cada s233;c XXI / Fotografia : Thomas Kolish
Pena / Broche / Titânio e Nióbio* anodizados electro quimicamente / 1a. década séc XXI / Fotografia : Thomas Kolish

Esta peça foi exposta na Bienal Brasileira de Design no Museu Nacional, Brasilia DF
*O Brasil é responsável por 75 % da produção mundial do nióbio, um metal refractário, leve, elástico e de alto ponto de fusão.


Bandoleira* / Tit226;nio e Ni243;bio anodizados electro quimicamente, Prata 925, Ametista, Quartz Rosa e Cristal / 1a. d233;cada s233;c XXI / Fotografia: Camila Nicoletti
Bandoleira* / Titânio e Nióbio anodizados electro quimicamente, Prata 925, Ametista, Quartz Rosa e Cristal / 1a. década séc XXI / Fotografia: Camila Nicoletti

Esta peça ganhou o Prêmio na Categoria Ouro no IDEABRASIL 2008.
*Remete à ornamentação indigena brasileira.

 

TPL_BEEZ5_ADDITIONAL_INFORMATION