PT EN

 

 

Prémios Nacionais de Design 2009

Prémios Nacionais de Design 2009
Centro português de Design CPD
Candidaturas até 31 Agosto 09


Os Prémios Nacionais de Design, atribuídos bianualmente, são uma iniciativa do Centro Por­tuguês de Design com o patrocínio da Caixa Geral de Depósitos e com o Alto Patrocínio de Sua Excelência o Senhor Presidente da República, Prof. Doutor Aníbal Cavaco Silva.
Os Prémios Nacionais de Design integram três prémios:
_ Prémio Daciano da Costa | distingue jovens designers de equipamento/industrial.
_ Prémio Sebastião Rodrigues | distingue jovens designers de comunicação/gráfico.
_ Prémio Sena da Silva | distingue empresas e designers.
1. Preâmbulo
António Sena da Silva (1926-2001)
Formado em Arquitectura na Escola Superior de Belas-Artes de Lisboa, foi arquitecto, artista plástico, fotó­grafo, cronista, pedagogo, empresário e designer.
Com a frase Portugal precisa de design caracterizou de forma sábia e pertinente as inquietações, desejos e necessidades de entendimento e aplicação da disciplina.
O Projecto era para Sena da Silva incontornável. O Design deveria estar na base de tudo; por isso, uma das suas ‘incansáveis cruzadas’ foi a de ‘levar o design aos industriais e por eles, ao utilizador final.’
Há trabalhos de Sena da Silva em design gráfico (embalagens, logótipos, marcas, modelos, etc.), ilus­trações para livros e revistas, fotografia, cenários e figurinos para teatro e cinema, poesia, carroçarias, pinturas murais, pavilhões para exposições e feiras, mobiliário, trabalhos de arquitectura, administração empresarial, artigos e ensaios para revistas e jornais. Em todas as áreas foi reconhecido e premiado.
Professor de Arquitectura de Interiores, Desenho de Mobiliário e Tecnologia de Pintura Decorativa na Escola António Arroio; de Design Gráfico, Geometria e Fotografia, na Sociedade Nacional de Belas-Artes, na Escola Superior de Belas-Artes de Lisboa; de Introdução ao Design na Fundação Ricardo do Espírito Santo Silva; de Introdução ao Design na Escola Superior de Belas-Artes de Lisboa; de Arquitectura e de Design de Mobiliário Urbano no Curso Superior de Arquitectura da Árvore no Porto foi “mestre” de referência para várias gerações de alunos.
Presidente do Centro Português de Design entre 1989 e 1994, a ele se deve a construção do edifício sede, a publicação dos Cadernos de Design e a realização de eventos, colóquios e conferências que levaram o Design aos vários públicos.
O Troféu Sena da Silva, desenhado pelo próprio, foi instituído em 1991 pelo CPD para as edições bi-anuais, dos Prémios Nacionais de Design, dirigidos a empresas, instituições e Designers e os Prémios Carreira, atribuídos a profissionais cujos percursos são referência no Design Português.
2. Objectivos
2.1 Distinguir e promover os melhores exemplos de Design pelos seus contributos para a inovação, a com­petitividade, o desenvolvimento económico e seus impactos na sociedade.
2.2 Estimular uma reflexão crítica sobre as práticas correntes no desenvolvimento de produtos / serviços e incentivar as empresas a adoptar estratégias e procedimentos de qualidade e inovação, através do Design.
2.3 Sensibilizar o público para o reconhecimento do valor dos produtos e serviços portugueses.
2.4 Motivar os orgãos de comunicação social para o debate sobre o papel do Design na melhoria dos padrões da qualidade de vida e no papel incontornável nas políticas e estratégias actuais.
3. Modalidades e Áreas
Os prémios serão atribuídos, bianualmente, a realizações e práticas que promovam a inovação, competi­tividade e cultura do Design, a partir de 2002, nas seguintes áreas:
• Design de Equipamento/Industrial;
• Design de Comunicação/Gráfico/Multimédia;
• Design de Ambientes (Design de Interiores e Design Urbano);
• Design Moda/Têxtil;
• Design Joalharia.
4. Concorrentes
Podem concorrer todas as empresas industriais, comerciais ou de serviços, instituições e designers, estabelecidos ou com produção no território nacional, sem prejuízo de poderem integrar design, estudos técnicos ou de marketing, contratados a profissionais estrangeiros.
5. Candidaturas
A atribuição dos prémios é precedida de um processo de canditaturas.
5.1 A apresentação dos processos de candidatura deve ser entregue numa embalagem devidamente iden­tificada, contendo:
• Boletim de candidatura, disponível no site do Centro Português de Design, devidamente preenchido, indicando a autoria, propriedade e declaração, certificando que o produto ou serviço é produzido em Portu­gal e comercializado há mais de seis meses (com excepção dos produtos têxteis, vestuário ou calçado e joalharia).
• Fotografias com legendas explicativas que representem os produtos, a identidade e/ou formas de comu­nicação utilizadas.
• Memória descritiva, no máximo um A4, com a caracterização do processo de concepção e produção, especificações técnicas ou enquadramento nos serviços em causa.
5.2 Poderão ser pedidos aos candidatos, produtos, embalagens, suportes de divulgação e brochuras que se entendam relevantes para a análise e avaliação da candidatura. Para a exposição dos trabalhos selec­cionados e premiados poderão ser solicitados outros elementos.
5.3 As candidaturas serão analisadas por uma Comissão Técnica que:
a) verificará a sua conformidade com o regulamento;
b) fará um relatório ao júri;
c) secretariará as reuniões do júri;
d) efectuará as diligências que o júri determinar.

6. Júri
6.1 O júri terá a seguinte constituição:
• CPD - Centro Português de Design, que preside – Designer Henrique Cayatte e Designer Beatriz Vidal (P);
• CGD – Caixa Geral de Depósitos – Drª. Suzana Ferreira (P);
• APD – Associação Portuguesa de Designers (P);
• IAPMEI - Instituto de Apoio às Pequenas e Médias Empresas e à Inovação (P);
• MUDE – Museu do Design e da Moda (P);
• Designer de Produto/Industrial
• Designer de Comunicação/Gráfico/Multimédia
• Design de Ambientes (Interiores/Design Urbano)
• Design Moda/Têxtil
• Designer de Joalharia
(P) – elementos do júri permanentes. Os outros elementos júri estarão presentes nas reuniões em função das candidaturas.
6.2 Não podem fazer parte do júri pessoas que, directa ou indirectamente, estejam profissionalmente en­volvidas com os candidatos.
6.3 O júri é independente nas suas funções e as suas deliberações serão definitivas e irrevogáveis. As de­cisões do júri serão tomadas por maioria simples de voto. Cada membro terá direito a um voto e não serão aceites abstenções.
6.4 Numa 1ª fase o júri realiza uma pré-selecção de candidaturas.
6.5 Aos seleccionados pelo júri poderá ser solicitado o envio de elementos adicionais.
6.6 O júri poderá solicitar aos candidatos documentação relativa ao cumprimento das normas aplicáveis.
6.7 Numa 2ª fase, o júri reunirá para classificar os trabalhos nomeados e elaborar uma acta final, assinada por todos os presentes, que justificará a decisão.
7. Prémios
7.1 Às empresas e designers distinguidos, será atribuído um troféu e um diploma. Aos premiados é dado o direito de utilização de um Selo identificativo de acordo com o Kit de normas produzido para o efeito.
7.2 No caso dos prémios atribuídos a empresas, igual troféu será atribuído, a título individual, a designers que integraram os processos de candidatura ou que tenham contribuído significativamente (com estudos, parcelas de produção ou componentes).
7.3 O júri pode não atribuir qualquer prémio se entender que a qualidade das candidaturas não o justifica, requerendo tal decisão 2/3 dos votos.
7.4 Para além dos prémios, o júri pode atribuir menções especiais, para os casos em que se denotem esforços e intenções patentes no domínio dos objectivos referidos neste regulamento.
7.5 Não se estabelecem limites quanto ao número possível de prémios ex aequo.
8. Divulgação dos Prémios
Será organizada uma exposição pública dos trabalhos nomeados e premiados e elaborado um catálogo para divulgação dos mesmos.
9. Devolução de produtos e documentação
9.1 A documentação e os produtos que integrarem a exposição referida no ponto 8, ficarão propriedade do CPD.
9.2 O Centro Português de Design não se responsabiliza pelo destino ou conservação do restante mate­rial, terminado o prazo previsto no calendário.
10. Calendário
• Divulgação Junho 09
• Entrega das candidaturas Até 31 Agosto 09
• Decisão do Júri Setembro 09
• Entrega de prémios e inauguração da exposição 7 de Novembro 09
7. Informações
Designer Paula Gris Grais
Tel. 21 71 21 495
e-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Os Prémios Nacionais de Design, atribuídos bianualmente, são uma iniciativa
do Centro Português de Design com o patrocínio da Caixa Geral de Depósitos
e com o Alto Patrocínio do Presidente da República.
Esta edição integra três prémios:
Prémio Sena da Silva | distingue empresas e designers
Prémio Daciano da Costa | distingue jovens designers de equipamento/industrial.
Prémio Sebastião Rodrigues | distingue jovens designers de comunicação/gráfico.

+ info
CPD: www.cpd.pt | designers | Prémios Nacionais
de Design 2009

__

O sítio da PIN teve o apoio


 Fundação Calouste Gulbenkian Nacional apoio