PT EN

 

 

Revista Oriente

Revista Oriente

 Artigo de Ana Caldas sobre a sua experiência na Índia

É com alegria que vos informo que foi publicado na Revista Oriente um
artigo meu sobre a minha experiência na Índia.
Relembro-vos que entre Julho e Outubro de 2008, tive oportunidade de estar
na Índia como bolseira, fruto de uma proposta dirigida à Fundação que,
reconhecendo o meu trabalho, me deu esta preciosa oportunidade.
Relembro também que em 2010, o Museu Oriente organizou com excelência, e
divulgou a exposição de joalharia sob o título "Do al-Andalus à
Índia" - uma mostra significativa, que reuniu 50 peças da minha
autoria.

As diversas oficinas de joalharia visitadas – não só na cidade de
Poona, mas também em Miraj e Kolhapur, ambas no mesmo estado de
Maharastra –, o contacto com artificies, o ornamento nas mulheres, o
ambiente social/religioso, o simbólico, o ritual e o sagrado, e as
premissas do meu próprio trabalho como Joalheira, tudo isto permitiu-me
obter imensas imagens e considerar as diversas relações e implicações
do corpo ornamentado. Partindo das fontes de inspiração do meu trabalho
– a herança ibero-muçulmana –, considerei as pontes com outro legado
antigo, na Índia, onde a presença islâmica teve também uma
importância enorme no desenvolvimento artístico e cultural, efeitos
esses que ainda hoje são mantidos.

À venda nas melhores livrarias do País e Fundação/ Museu Oriente/Lisboa
( A Revista Oriente é uma publicação da Fundação especialmente
vocacionada para a edição de fontes inéditas ou de difícil acesso,
determinantes para o estudo das relações históricas e culturais entre
Portugal e os países asiáticos. Paralelamente, tem vindo a dedicar-se à
edição de ensaios sobre a mesma temática, muitos deles fruto de
trabalhos de investigação apoiados pela Fundação através do seu
programa de bolsas de estudo).

Ana Caldas

__

O sítio da PIN teve o apoio


 Fundação Calouste Gulbenkian Nacional apoio